use-a-teoria-das-cores-para-arrasar-no-look

Use a teoria das cores para arrasar no look!

Toda mulher pode desfrutar o poder da metamorfose diária. E as cores desempenham um papel essencial na montagem dos looks, pois definem estilo e personalidade, disfarçam e valorizam, dando vida às composições. Mas como realizar as melhores escolhas na hora de combinar peças coloridas? A teoria das cores pode iluminar o seu guarda-roupa!

Antes de tudo, é importante lembrar que as cores foram alvo de diversos estudos ao longo da história. Existem, por exemplo, abordagens artísticas, físicas, místicas e psicológicas, como a cromoterapia. Mas, fique tranquila! Você não precisa saber muito além dos princípios básicos da teoria das cores para arrasar nas combinações diárias!

A ciência da cor
Existe uma teoria que analisa as cores e as relações entre elas, relacionada também ao funcionamento da visão. Segundo o blog Chief of Design, as cores são faixas de ondas que podem ser vistas a olho nu, e o que diferencia uma da outra é o seu comprimento. O amarelo possui um comprimento de onda diferente do rosa, e assim por diante. Logo, a cor nada mais é do que uma impressão produzida na retina, que recebe a luz refletida pelos objetos ao nosso redor. Ou seja, a cor é uma ilusão!

Segredos do círculo cromático
Para criar combinações incríveis, você precisa conhecer o círculo cromático. Lembra das cores primárias, secundárias e terciárias? As secundárias e terciárias surgem por meio da mistura entre as primárias, que são as básicas. E o círculo cromático é uma paleta formada por doze cores: três primárias, três secundárias e seis terciárias. É um ótimo instrumento para facilitar suas escolhas nesse mundo de cores!

Paz, amor e… harmonia!
A harmonia é o ingrediente supremo para a elaboração dos looks. As escolhas mais harmoniosas podem ser feitas com cores complementares, ou seja, com aquelas posicionadas em lados opostos no círculo cromático. São as tonalidades mais contrastantes, como vermelho e verde, azul e laranja ou amarelo e violeta. Mas fique ligada! Essas combinações resultam em looks mais vívidos e impactantes, então, se você é do time das discretas, é bem provável que não vá curtir essa escolha.

Outra sugestão interessante são as cores análogas, localizadas em posições vizinhas no círculo cromático. Elas trazem pouco contraste, pois são compostas pela mesma base, como vermelho e laranja ou verde e azul. Podem funcionar muito bem em estampas, por exemplo, mas vá com calma. Embora sirvam perfeitamente em algumas ocasiões, é preciso ter cuidado para não criar looks pesados ao combiná-las!

Você também deve experimentar as cores triádicas, três cores com a mesma distância entre si no círculo cromático. São opções muito bonitas e funcionais, pois produzem combinações contrastantes e ricas em tons, como violeta, verde e laranja. Já as combinações monocromáticas são compostas pela mesma cor (matiz) com diferentes níveis de luminosidade. Possibilitam o efeito degradê e se relacionam de maneira elegante, funcionando em looks discretos. Não tem erro!

De olho no termômetro
A temperatura de cor é um assunto importantíssimo na teoria das cores. Os tons quentes nos remetem ao calor, ao sol e ao fogo, enquanto os tons frios estão relacionados à água e ao frescor. No círculo cromático, o lado quente é composto pela mistura do vermelho, laranja e amarelo, enquanto o lado frio reúne as cores formadas pelo verde, azul e violeta. É o que diferencia um look mais sóbrio de uma combinação tropical.

A moda não acompanha as quatro estações à toa. Na primavera e no verão, as vitrines das lojas ganham tonalidades mais quentes e vívidas, enquanto as cores mais frias predominam no outono e no inverno. Mas isso não é regra! Você pode colorir o seu guarda-roupa o quanto quiser nos dias frios. Vai da criatividade de cada uma: o contraste entre as temperaturas pode animar suas composições, além de expressar seu estado de espírito.

Saber explorar as cores da maneira correta é ter um universo de possibilidades ao seu dispor. Você pode brincar de artista todos os dias, experimentando novas combinações a partir de paletas claras e escuras, suaves e intensas ou até mesmo branco e preto. Use a teoria das cores para se vestir e transmitir sua personalidade! E não se esqueça de aproveitar o mundo ao seu redor como fonte de inspiração.

Gostou do post de hoje? Comente e compartilhe com suas amigas! Deixe a teoria das cores iluminar o guarda-roupa delas também!

Deixe seu comentário