cilios

Como cuidar da saúde dos cílios?

Os cílios são essenciais para proteger nossos olhos da poeira, insetos e outros fatores externos que podem prejudicar a região ocular. E a maneira como cuidamos dos fios no dia a dia age diretamente na sua qualidade, tamanho, espessura e proteção.

Então, para conhecer mais sobre como cuidar corretamente dos cílios e evitar alguns problemas na região dos olhos, continue lendo este post!

Cuidados com o rímel

Mulheres que usam rímel nos cílios devem ter cuidados redobrados. Isso porque a aplicação frequente desse produto pode colaborar com a queda dos fios, e o uso incorreto pode causar terçol, uma inflamação na pálpebra provocada por bactérias.

Então, para não ter problemas, evite dormir com o rímel nos cílios. Pessoas que costumam ter essa inflamação com frequência devem evitar o produto ou massagear os cílios sempre depois de retirá-lo.

Procure usar apenas rímeis de qualidade, e fique atenta à sua validade — após abertos, o prazo é de, no máximo, seis meses.

Cuidados com cílios postiços

A forma adequada de aplicá-los é após o uso do curvex, complementando com o rímel, que deve ser usado de dentro para fora, com movimentos da raiz até as pontas. O uso do curvex requer leveza e precisão, além da higiene e troca semestral da borracha. Para usar o aparelho, certifique-se que os cílios estão secos e limpos, e aplique-o antes do rímel para não quebrar os fios.

Vale ressaltar que pessoas com sensibilidade na pele não devem usar cílios postiços, pois podem sofrer irritação.

Queda dos cílios

A queda de cílios ocorre naturalmente a cada quatro meses. No entanto, se a queda for significativa, apresentar falhas ou falta de cílios, a origem pode estar no uso exagerado de maquiagem nos cílios e nas pálpebras, ou em doenças e carência nutricional, como deficiência do complexo B, vitamina E, zinco, selênio, falta de vitamina D, ferro, ácido fólico e proteínas.

Blefarite

Blefarite é uma inflamação comum que afeta as pálpebras, normalmente ocorrida pelo funcionamento incorreto das glândulas próximas à base dos cílios, causando irritação, coceira e descamação na pálpebra. Pessoas com pele mais oleosa, caspas ou olhos secos são mais vulneráveis à doença.

Para evitar o problema higienize diariamente as pálpebras usando loções de limpeza testadas dermatologicamente e oftalmologicamente, ou sabonetes líquidos infantis, além de cremes de hidratação em base aquosa. Se o problema persistir, consulte um dermatologista.

Tracoma

Tracoma é outra doença inflamatória dos olhos que causa constantes crises de conjuntivite e criam cicatrizes na parte interna superior da pálpebra, podendo causar a deformação da pálpebra, além de lesões e até a cegueira dos olhos.

Geralmente, o tracoma provoca ardência e lacrimejamento e, em um estágio avançado, dor intensa, fotofobia e perda visual. A doença pode ser transmitida pelo contato físico e compartilhamento de objetos contaminados como toalhas, lenços e fronhas. Seu tratamento também é feito com pomadas e antibióticos.

Hidratação nutricional

Talvez você não saiba, mas os cílios também precisam de hidratação. Então, passe um creme específico para a área dos olhos rente aos cílios, ou, com um cotonete, aplique um óleo de oliva ou creme à base de pró-vitamina B5, de duas a três vezes por semana.

Esses cuidados evitarão que as hastes mais finas e secas tenham fraturas ou fiquem mais finas e predispostas à queda ou rarefação.

Cuidados com produtos para crescer os fios

Esses métodos prolongam o processo de crescimento dos fios já existentes, deixando-os também mais grossos e pigmentados. Contudo, para estimular o crescimento dos cílios, use apenas produtos aprovados pela Anvisa — no caso de fórmulas manipuladas, apenas as prescritas por um dermatologista.

O fármaco bimatoprosta é uma substância usada para tratamento do glaucoma, que paralelamente atua no folículo piloso e proporciona o crescimento ciliar. Porém, seu uso requer prescrição médica, e cautela na aplicação para fins estéticos. O contato com os olhos pode provocar o escurecimento da íris e olheiras, caso atinja a pele na parte inferior dos olhos.

Como vimos, os cuidados com os cílios são importantes para a saúde e a estética da região dos olhos. Agora que você sabe como ter cílios bonitos, aproveite para conferir mais sobre sobrancelhas e saber se as suas estão no formato ideal para seu rosto!

Deixe seu comentário